Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Felicidade = Consumismo?

por Zulmiro Sarmento, em 05.12.07

          Vivemos (a par com dois milhões de pobres em Portugal) numa das épocas mais prósperas. Cada dia que passa somos surpreendidos com novas comodidades e progressos. No mercado nós encontramos cada vez mais produtos necessários e desnecessários a seduzirem os potenciais consumidores.

          A publicidade afirma, de forma dogmática, que essa felicidade que todas as pessoas buscam se encontra no consumo desses produtos. Neles está a força, a saúde, a vida, o amor, a paz, o vigor, a alegria. No consumismo está a salvação.

          A publicidade encarrega-se de afirmar, dia após dia, que a felicidade está em adquirir coisas. A realidade, porém, diz-nos que não é bem assim.

          Se a felicidade consiste em adquirir coisas, porque é que as pessoas do consumismo não nos aparecem como gente feliz?

          Porquê um sentimento de vazio, de falta de sentido para a vida em pessoas desta sociedade consumista? Porquê tanta desilusão?

          A felicidade não se compra nem se vende. Ela está numa atitude livre e responsável perante a vida, as pessoas e os acontecimentos.

          A felicidade vem de dentro de cada um de nós. Ela nasce dentro de um coração e de uma inteligência que buscam a verdade.

          A felicidade pode saborear-se quando a pessoa se decide a amar e a servir os outros, especialmente os pobres e infelizes.

          A felicidade é projecto dos que trabalham por fazer deste mundo um jardim maravilhoso.

          A felicidade não é igual a consumismo. Ela parte do fundo de nós mesmos, de uma opção ( fundamental ) de vida que se faz. Para os cristãos, está no Evangelho de Cristo, sobretudo nas chamadas bem-aventuranças.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:49



formar e informar

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2007

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D